Deveriam os cristãos estar no Facebook?

13 06 2011

(…)

Dito isto, eis aqui algumas preocupações que tenho com o Facebook. Primeiro  o Facebook tornou-se um Deus para ti? Quando Deus te ordena que não tenhas outros deuses diante dele, Ele quer dizer em sua presença! Se te tornaste um servo do Facebook, talvez esteja na hora de parares. Segundo O Facebook tornou-se um ídolo para ti? Confundes a sua realidade com a realidade real? Pensas que tens realmente 200 amigos? Terceiro Tomaste o nome do Senhor em vão?  ou seja, alguma vez, num momento de fraqueza , manchaste publicamente o teu testemunho cristão. Tens-te andado a rir do teus pecados da juventude com o teu antigo amigo do liceu ou universidade?

Quarto O Facebook está a dar-te a Paz do Senhor, ou agitar-te? (e por favor nota a real diferença entre a Paz que ultrapassa o entendimento, e aquela paz que recebemos quando nos alimentam os vícios) Ficas ansioso quando não podes fazer login? Quinto Estás a honrar aqueles que têm autoridade sobre mim? Esposa, estás a negligenciar o teu dever de honrar o teu marido porque passas demasiado tempo a ler sobre os teus “amigos”? Jovem, estás a negligenciar o teu dever de honrar os teus pais porque estás demasiado ocupado a enviar mensagens?

Sexto Esta tecnologia honra a vida? A internet pode um aterro de lixo, não por causa de estar cheio de pornografia e de jogos a dinheiro, mas porque não é real, porque é gnóstico. Sétimo Estás a amar o teu parceiro(a) no Facebook? A emoção da descoberta de amigos perdidos está levar-te a ficar insatisfeito com a tua relação? Estás secretamente à procura daquela ex-namorada? Já estás em adultério pelo simples facto de desejares teres 16 anos novamente? ou não sabes que o Facebook pode tornar-se rapidamente em pornografia relacional? O engodo da pornografia é que podes ter os prazeres da união sexual sem ter que ter uma relação real e física com uma pessoa. Com o Facebook passa-se o mesmo. Oitavo Estás a roubar ao teu empregador ao não dares um dia completo de trabalho, por causa de andares a jogar Farmville? Andas a gastar as tuas horas de trabalho a jogar?

Nono Estás a mentir? Isto é, o teu “eu” cibernetico és mesmo tu? Esta tecnologia insidiosa tem a capacidade de esconder a realidade e de mostrar aquilo que não somos. Porque é que os nossos updates são só sobre as nossas vitórias e nunca as nossas derrotas? Presta muita atenção neste ponto. Décimo O Facebook está a incentivar o contentamento ou o ressentimento? Andas a cobiçar o numero de “amigos” do teu próximo? Tens ciumes da quantidade de gostos nos posts dele em relação aos teus?

(…)

Por R. C. Sproul na página http://www.ligonier.org/blog/should-christians-be-facebook/

Tradução: Fábio Silva

Uma breve introdução foi omitida na tradução do texto original por esta desenvolver  acerca de algo que já passou e ser mais dirigida aos irmãos Norte-Americanos. No entanto podem consultar o texto original no link fornecido em cima

Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: